Espalhe!
  • Bate Papo 0
    Guilherme Borges

    29 de Maio de 2018 por Guilherme Borges

    A saga interminável de especulações pré-agência livre do Lakers continua. Apesar de a ansiedade fazer parecer que essa temporada não terá fim, a verdade é que as finais estão batendo à porta, e que, logo após a sua vinda, virá também a tão esperada agência livre. Com esse momento cada vez mais próximo, mais jogadores começam a expor seus objetivos.

    Quem fez questão de deixar suas vontades bem claras, dessa vez, foi o ainda (mas talvez não por muito tempo) armador do Lakers, Isaiah Thomas. O armador falou em sua aparição no programa "Chris and Caron" de Chris Mannix e Caron Butler. De acordo com ele, o que mais influenciará sua decisão será a possibilidade de beneficiar seu próprio jogo:

    "O mais importante pra mim é minha família e meu jogo. Quero a melhor situação pra mim. O mais importante é estar feliz e garantir a melhor situação para mim e para o meu jogo, independente do time que eu escolher. Quero dizer, eu amo o Lakers. A organização é incrível. Mas primeiro de julho é sempre imprevisível. Eu tenho que me manter aberto para as opções e decidir pelo que será melhor para meu jogo."

    IT passou por altos e baixos no basquete, iniciando sua carreira sendo draftado em último, passando por inúmeras trocas até chegar na final da conferência Leste, na qual ele foi privado de jogar em razão de uma lesão no quadril que o prejudicou também nessa temporada.

    A permanência do armador divide a opinião da torcida Roxa e Dourada: parte quer investir acreditando que ele voltará ao bom basquete que liderou o Celtics à final; outra parte acha que ele nunca mais jogará da mesma maneira. O Lakers ja manifestou o interesse em renovar com o armador peli período de um ano, principalmente se os diversos planos da franquia fracassarem.

    Falta pouco mais de um mês para primeiro se julho e essa agência livre promete ser uma das mais importantes dos últimos anos. Descobriremos em breve quem usará o manto sagrado na próxima temporada. Independente de quem seja, a torcida quer vitórias. Resta saber se para a diretoria, IT é essencial para dar o que a os fãs querem, ou não.

    Fala aí!