Espalhe!
  • Bate Papo 0
    Renato Campos

    22 de Abril de 2021 por Renato Campos

    nba_lebron_james_nao_resiste_ao_momento_do_new_york_knicks

    O New York Knicks é o time de melhor sequência de vitória neste momento na NBA.

    Julius Randle tem sido um monstro por lá e comandado do time de Nova Iorque que ocupa a quarta posição da Conferência Leste.

    Sem sentir o gosto de playoffs há sete anos, o time etá no caminho para quebrar esse tabu.

    Ontem, após mais uma vitória da equipe, LeBron James foi as redes empolgado para comemorar o feito do time e disse no Twitter que a NBA é "simplesmente melhor" quando o Knicks está bem.

    James nunca se esquivou de seu amor pela história do Knicks ou de sua apreciação pela arena do time, o Madison Square Garden.

    Em 2015, ele disse a Marc Berman do New York Post que estava com "um pouco de ciúme" do amigo de longa data Carmelo Anthony por ter a chance de jogar uma parte significativa de sua carreira na "Arena Mais Famosa do Mundo".

    "Se eu pudesse ter 82 jogos da temporada regular no Garden, faria porque é a Meca do basquete", disse ele.

    Essa apreciação não é uma surpresa, já que James cresceu assistindo o Knicks dos anos 90, que chegaram às finais da NBA em 1994 e muitas vezes enfrentaram os Chicago Bulls de Michael Jordan no Leste.

    A melhor campanha do Knicks aconteceu no início dos anos 70, quando eles conquistaram seus únicos dois títulos da NBA em um período de quatro anos (1970 e 1973), liderados por Willis Reed, Walt Frazier, Bill Bradley, Dave DeBusschere e Dick Barnett .

    Nova York não vive de acordo com o mesmo padrão desde que LeBron entrou na liga em 2003. A franquia alcançou a pós-temporada apenas quatro vezes e venceu uma única série de playoffs nos últimos 17 anos.

    Pode-se perguntar por que James, que fez várias incursões no mercado de agente livre durante sua carreira no Hall da Fama, nunca se juntou ao Knicks para ajudar a revitalizar a franquia. Em vez disso, optou pelo Miami Heat, um retorno ao Cleveland Cavaliers e agora ao Lakers.

    LeBron James é duramente criticado após apagar tweet sobre policial

    Apesar disso, a organização deu sinais de um retorno à proeminência desde que Leon Rose foi contratado como presidente em março passado. O sucesso da equipe deste ano, liderada por Julius Randle e RJ Barrett, aliada ao retorno dos torcedores em meio à pandemia do coronavírus, trouxe muita energia de volta ao Garden.

    Fala aí!